Categoria

Novidades

câmbio automático - painel de carro peugeot

Câmbio automático: 3 dicas para consumir menos combustível

Por | Novidades | Nenhum Comentário

Com um sistema de transmissão que possibilita a seleção e troca de marchas sem ser necessária a atuação de um condutor, os veículos com câmbio automático oferecem conforto e praticidade. 

Os desejados carros com câmbio automático fazem sucesso e muitos brasileiros já optaram por essa alternativa. Ainda assim, algumas dúvidas costumam surgir quando se fala sobre esse tipo de transmissão, sendo uma delas o consumo de combustível. 

Então, selecionamos abaixo três dicas sobre medidas que podem ser tomadas para que menos combustível seja gasto. 

 

Carros com câmbio automático consomem mais combustível?

Entre mitos e verdades sobre o assunto, pode-se dizer que, em geral, carros com câmbio automático consomem mais combustível. Entretanto, os modelos mais recentes melhoraram essa desvantagem. 

Os veículos antigos, com transmissões de três marchas, consomem mais combustível que suas versões manuais. Porém, nos veículos mais modernos essa troca é feita em frações de segundos. Isso faz com que a força do motor seja melhor aproveitada e haja mais economia. 

O resultado é que alguns veículos com câmbio automático se tornaram mais econômicos que suas versões manuais. 

 

1. Evite dirigir em alta velocidade

Fazer ultrapassagens ou acelerar o carro rapidamente exige mais do motor, o que pode aumentar o gasto de combustível. Portanto, mantenha velocidade constante e evite mudanças bruscas com frequência.

 

2. Deixe a marcha do carro na posição correta

Ao contrário do que muitos pensam, colocar o carro na alavanca N (neutro), em paradas, não faz com que ele gaste menos combustível. E ainda pode gerar um desgaste no câmbio. 

Fora isso, os veículos mais modernos já possuem a opção do “start-stop”. Ela serve para desligar o motor em paradas demoradas, poupando combustível sem precisar mudar a marcha. 

Essa, portanto, é a melhor opção para quem quer economizar. No caso das paradas longas, o melhor a fazer é colocar o carro em P (parking); esse modo ativa uma trava mecânica que impede a movimentação do carro.

 

3. Fique atento ao óleo da caixa automática

O chamado ATF, ou fluido de transmissão automática, é específico para esse tipo de câmbio. Ele serve para evitar o desgaste das engrenagens, além de possuir outras funcionalidades. Se usados corretamente, os ATFs ajudam os carros com câmbio automático a consumirem menos combustível. 

Tomando esses e outros cuidados, você ajuda a prolongar a vida útil do seu veículo. Além disso, essas atitudes certamente trarão mais economia para o seu bolso.

 

Caso você tenha curtido esse artigo, consulte os outros que estão disponíveis em nosso blog e assine a newsletter para conferir mais novidades!

Dicas de direção defensiva - homem ao volante em estrada

5 dicas valiosas de direção defensiva para evitar acidentes graves

Por | Novidades | Nenhum Comentário

Andar prevenido é sempre bom não é mesmo? Por isso, saber como praticar a direção defensiva é fundamental Isso é preciso principalmente no trânsito, onde as surpresas podem vir quando você menos espera. Para se ter uma ideia, segundo o Ministério da Saúde, numa pesquisa realizada entre 2010 e 2018, foi constatado que 31% dos óbitos por acidentes acontecem com ocupantes de automóveis

Sendo assim, alguns cuidados devem ser essenciais na hora de pegar a estrada, seja para viagens ou programas pessoais. Pensando nisso, resolvemos escrever esse post listando 5 dicas valiosas de direção defensiva. Nesse tipo de direção, o motorista deve visar a segurança em primeiro lugar. Dessa forma, é possível evitar acidentes e outros tipos de problema. 

 

Mantenha a calma

Para dirigir com segurança, além da atenção que é extremamente importante, também é necessário manter a calma. Afinal, o nervosismo diante de algumas situações poderá tirar seu foco no trânsito. Isso pode acontecer tanto com motoristas novatos quanto com os mais experientes. 

Para os novatos, a insegurança das primeiras vezes pode ser um grande inimigo em relação a manter a calma. Já para os mais experientes, o trânsito pode ser uma situação totalmente estressante. Afinal, os engarrafamentos e longas distâncias até o destino final estressa qualquer um. 

Ainda assim, procure maneiras de relaxar em meio a essas situações, pois perder a calma em algumas delas pode ser muito perigoso. 

 

Busque conhecimento

Assim como o nosso cotidiano, as regras também mudam, afinal, elas devem acompanhar o ritmo em que a sociedade avança. Dessa forma, é recomendado estar atualizado sobre as atualizações das normas preventivas. Elas não só podem te ajudar a não cometer infrações, como também podem ser um guia para andar sem infringir a legislação. 

 

Respeite as placas 

No começo da trajetória do condutor, ele aprende a entender e respeitar todas as sinalizações e leis de trânsito. No entanto, com o passar do tempo, acaba adquirindo alguns vícios que não seguem as normas de trânsito. São os chamados vícios de direção, que podem oferecer riscos não só para o seu carro, como também para você.

 

Cheque os freios 

Todos sabem que manter os freios em boas condições é essencial para que se possa dirigir em segurança. Sendo assim, não brinque com a sorte! Não só os freios mas todo o veículo precisa de manutenções periódicas, e no caso dos freios, é sempre bom estar atento. Afinal, eles acabam tendo um grande desgaste com o tempo, e dependendo da sua utilização, podem ter vida útil menor que a esperada. 

Para evitar que isso aconteça, o ideal é não fazer freadas bruscas. Não só em dias ensolarados, mas principalmente em épocas chuvosas e pistas molhadas. Afinal, o risco de andar com os freios comprometidos e acabar resultando em acidentes é alto. 

 

Saiba a hora de agir!

Os cinco elementos da direção defensiva são: o conhecimento, a atenção, previsão, decisão e habilidade. Como já citamos os dois primeiros acima, vamos explanar os últimos três elementos. A previsão, assim como no caso de revisar os freios e estar atento às manutenções, procura prever imprevistos no trânsito a fim de evitá-los. 

Quanto a decisão e habilidade, assim como o critério da calma, estão relacionados a reação do motoristas diante de situações de risco. Com a decisão, você saberá lidar com imprevistos, buscando resolver sempre da melhor maneira e do modo mais prático. Já com a habilidade, o motorista se sentirá seguro em suas ações devido a prática. 


Viu só? Agora você já sabe quais medidas deve tomar para colocar em prática a direção defensiva. Caso queira conferir outras dicas, assuntos do universo automobilístico, além de novidades da Peugeot, confira nosso blog!

Esportivados

Esportivos ou esportivados: conheça as diferenças entre estes dois tipos de automóveis

Por | Novidades | Nenhum Comentário

.Tudo que apresenta um adereço a mais ou alguma vantagem tende a chamar mais atenção e ser mais cobiçado não é mesmo? É exatamente nessa lógica que seguem os modelos esportivos ou esportivados.

Por esse motivo, explicaremos nesse post as características de cada um. De antemão vale adiantar que, às vezes, nem tudo que parece é e isso também acontece no  universo dos automóveis. 

Pronto para entender melhor sobre isso? Continue acompanhando o post e descubra as diferenças entre veículos esportivos e esportivados e entenda qual deles é o mais adequado para seu perfil! 

 

Esportivos

Esse é o modelo que vem com o pacote completo. Afinal, além do design, há quem não abra mão das qualificações técnicas que são o forte desse tipo de automóvel, como a velocidade e a resistência mecânica. No caso dos esportivos, é realmente isto que você irá receber.

Além das condições técnicas, que devem apresentar melhor desempenho comparado às versões simples, o design personalizado também é um dos atributos de quem procura por esse tipo de modelo. 

Nos carros esportivos, além das motorizações mais potentes, os sistemas de freios também são mais robustos e o câmbio, por sua vez, tem resistência maior. Além disso, eles também apresentam relações de marchas mais adequadas e amortecedores projetados para obter mais velocidade nas pistas.

Essa tendência surgiu ainda nos anos 50, onde a grande maioria das marcas participava de competições esportivas. Visando mostrar ao seu público consumidor que seu produto seria mais veloz e resistente que o dos outros competidores.

 

Esportivados

Já nos anos 2000, surgiram os modelos esportivados. Nesse tipo de automóvel, o design que remete às pistas encanta quem ama o estilo esportivo mas não pode abrir mão do custo-benefício. Isso porque, em relação a desempenho, os esportivados não apresentam grandes diferenças em relação aos seus “irmãos de passeio”. 

Eles se diferenciam dos outros modelos, principalmente, por conta do design, que traz rodas maiores, adesivos decorativos, faróis e lanternas escurecidas. Além disso, podem ter faróis auxiliares de neblina, bancos com textura diferente e costuras esportivas.

Automóveis esportivados possuem ainda outras características comuns. Painel de instrumentos e volante diferentes, kit aerodinâmico externo e escapamentos com saída dupla ou maior podem ser algumas delas.

Eles são considerados uma ótima alternativa para quem não está disposto a pagar o valor de um carro esportivo. No entanto, também não quer abrir mão de um automóvel diferenciado. Como a estética é o principal fator de escolha nesse modelo, eles acabam tendo preços semelhantes ou um pouco acima dos modelos tradicionais. 

Em resumo, é exatamente nisso que consiste a diferença entre os dois modelos. Os esportivos realmente trazem uma arquitetura de motor específica para quem quer ganhar desempenho.

Já os esportivados são perfeitos para quem ama o estilo esportivo. Desse modo, encontram na estética desses veículos os atributos que precisam para se satisfazer com o carro sem pagar muito mais por isso.

Gostou do post? Aqui você conheceu o conceitos de esportivos e esportivados e as principais diferenças entre eles. Já conhece o motor THP? No nosso blog tem um conteúdo especial sobre ele, explicando como funciona e quais são os seus diferenciais e vantagens. 


Ademais, lá você também pode entender quais funções da central multimídia do seu carro podem te ajudar no dia-a-dia. Não fique de fora, acompanhe todos os nossos conteúdos no blog de La Cité Peugeot!

Novo Peugeot 2008

Novo Peugeot 2008: confira o que muda e os atrativos do mais recente lançamento da Peugeot

Por | Novidades | Nenhum Comentário

A Peugeot está caminhando em constante evolução no mercado. Isso tudo faz parte da nova meta da marca: consolidar um reposicionamento até 2020. Uma boa prova desse desenvolvimento é o Novo Peugeot 2008. Ele vem apresentando diversas mudanças no design e, além disso, uma série de atributos tecnológicos. Além de aprimorar a usabilidade do carro, as alterações também valorizam ainda mais a performance do veículo.  

Neste post iremos te apresentar quais são as principais diferenças do novo Peugeot 2008. Seguindo, desse modo, desde suas características até as vantagens em comparação ao modelo antigo. Confira abaixo! 

Como é o novo Peugeot 2008?

O Novo Peugeot 2008 traz uma série de atributos que estão chamando a atenção do mercado. Sendo apresentado em 4 versões: Allure, Allure Pack, Griffe AT e Griffe THP. Entre os principais atributos está a cobertura nas laterais das rodas, interior revestido em couro e a central multimídia com tela de sete polegadas. O modelo ainda possui câmbio automático de 6 marchas com troca sequencial e duas opções de motores.

Além disso, o volante com a proposta de uma experiência única de condução, o Peugeot i-cockpit, também é um dos atrativos do modelo. O volante, nesse caso, possui raio diminuto (34cm x 33 cm) e um quadro de instrumentos elevado. 

Peugeot i-Cockpit

Foto: reprodução

O que muda da versão anterior?

Algumas das mudanças do modelo antigo para o novo estão no para-choque. A grade do radiador é maior e com elementos tridimensionais, o emblema da Peugeot está centralizado e com acabamento em preto brilhante.  Esse acabamento inclusive também é aplicado no rack de teto e nos retrovisores. 

Além disso, o capô mais alto e o desenho das rodas aro 16, que antes vinham apenas nas versões Griffe e Crossway, agora passam a ser de série em outras versões, com exceção apenas a Versão Allure que não possui roda liga leve.

Inclusive, os aprimoramentos feitos no design do novo modelo estão entre os principais atributos responsáveis pelo efeito positivo que o lançamento vem alcançando.

A direção seguiu com seu modelo já aprovado na versão anterior: o volante menor e o painel de instrumentos mais alto, evitando interferências na visualização. Dando com isso, um campo de visão ainda maior ao condutor.

Quais são os principais diferenciais da nova versão?

O grande diferencial, além de todas as novidades no design já mencionadas, está no motor 1.6 16V. Ele é turbinado com 173 cv a 6.000 RPM e 24,5 kgfm quando abastecido com etanol. Além disso, ambas possuem o câmbio de seis velocidades com transmissão automática. 

cambio automático

Foto: reprodução

Ademais, acompanhado dele está todo desempenho do modelo, que superou as expectativas com os ajustes feitos pela marca, atendendo a pedidos e sugestões dos clientes.


Viu só? A Peugeot segue em constante evolução para satisfazer cada vez mais seus atuais clientes e conquistar os futuros. Não fique de fora de nossas novidades, acesse o nosso blog e confira todas as dicas, novidades e ofertas da La Cité Peugeot. 

 

Central multimídia para carro - Peugeot 3008

Central multimídia para carro: saiba quais funções mais facilitam no dia-a-dia

Por | Novidades | Nenhum Comentário

Foi-se o tempo em que as qualidades técnicas de um carro eram as mais importantes. Não que elas deixaram de ser, muito pelo contrário. Entretanto, outros aparatos do veículo se tornaram decisores de compra. Design e tecnologia, por exemplo, conseguiram entrar no pódio de atributos mais requisitados na escolha de um carro. A central multimídia, por sua vez, se inclui dentro das especificações procuradas.

O que antes era visto como item de luxo, hoje é exigência básica de boa parte dos automóveis. Pensando nisso, resolvemos te ajudar a escolher a central ideal para o seu carro baseado nos atributos que mais farão diferença no seu cotidiano. Acompanhe!

Analise a ficha técnica

Todo produto precisa ser avaliado, certo? As centrais multimídias devem fazer parte dessa avaliação. Confira tudo que pode ser feito através dela, como o uso do GPS e a conexão com dispositivos móveis.

Entretanto, é interessante conferir a capacidade de processamento, a memória e o sistema utilizado na central. Parar para entender esses aspectos garantirão o bom desempenho da sua central.

Além disso, observe também a amperagem da entrada do USB. Isso indica a capacidade de carregamento da central multimídia. Em alguns modelos mais recentes, como o Peugeot 3008, o carregamento do smartphone é feito por indução. Porém, se não for o caso, é importante verificar se a amperagem é equivalente ao modelo de seu smartphone.

Como posso utilizar a central multimídia no dia-a-dia?

Utilizar a central multimídia é algo que se torna natural no cotidiano. Afinal, as facilidades que ela proporciona ao condutor são inúmeras. Além de poder utilizar o GPS, que dependendo do modelo já é nativo do próprio veículo, há a possibilidade de poder espelhar a tela do smartphone para a central.

Isso faz com que o condutor possa utilizar boa parte das funcionalidades de seu aparelho sem precisar tocar nele. Isso ajuda o motorista a se concentrar onde realmente deve, que é no trânsito.

Conectividade é fundamental

Diante de uma crescente demanda por aparelhos tecnológicos, não investir em soluções que tornem seu carro pronto para se conectar a eles é um erro. Afinal, além de deixar de usufruir dessas tecnologias, seu carro pode perder valor de revenda. Dessa forma, é recomendado considerar as plataformas de conectividade na compra de seu carro.

As mais comuns são o Apple Carplay e Android Auto. Ambas permitem a utilização de diversas funções e serviços do smartphone na tela da central multimídia. Dessa forma, tanto iPhones (Apple Carplay) quanto qualquer outro modelo de smartphone que possua Android (Android Auto) serão conectados ao carro.

Vale lembrar que isso não significa que, ao conectar, haverá um espelhamento da tela do celular. O que acontece na verdade é que alguns aplicativos, usados no celular, são controlados através da central multimídia.


Neste post você conferiu dicas de como escolher a central multimídia ideal para o seu carro. Você pode ainda conhecer vários outros conteúdos em nosso blog e assinar nossa newsletter para conferir novidades e ofertas da La Cité Peugeot.

Como estacionar com segurança: dicas simples e práticas

Por | Novidades | Nenhum Comentário

Assim como tudo que pretende ser aprimorado, as táticas aprender como estacionar com segurança se conseguem no treino, no dia-a-dia. Por mais extenso que seja seu conhecimento na teoria, você só consegue dominar alguma coisa na prática. Então o primeiro passo é perder o medo e partir para a ação. Só assim você aprenderá como estacionar com segurança. Não é errado pedir ajuda nessa fase, afinal, as pessoas devem saber que você está aprendendo.

Entre os principais receios de quem começa a dirigir está o medo em transitar nas ruas para evitar batidas ou não ter que lidar com a impaciência de motoristas experientes, o medo de se perder por não conhecer bem os destinos e também o de como estacionar com segurança.

Entretanto, até mesmo motorista experientes podem se complicar na hora de estacionar um carro com segurança. Por isso, nesse post você verá algumas dicas de como estacionar com segurança, sem receios ou problemas. Além disso, também trazemos alguns toques que podem te ajudar com outras situações, confira!

 

Manobre com cuidado

Como estacionar com segurança - estacionamento privativo

Foto: Reprodução

A baliza exige muita atenção e cuidado da sua parte, mas não tem nenhum grande mistério nem algo que te impeça de conseguir. O tipo da vaga vai te indicar qual a melhor forma de estacionar sem danificar o seu veículo e o que estiver no entorno dele.

As mais comuns são as vagas inclinadas ou em 90°. Elas estão presentes em estacionamentos, shopping e supermercados. Entretanto, nessas últimas você precisa ter cuidado com os retrovisores, mas não é nada muito complicado. Elas são simples e tranquilas para entrar.

Já as vagas paralelas exigem balizas, mas nem por isso você precisa travar! Continue mantendo a calma e fique atento aos componentes do carro para não danificar e quebrar nenhuma das partes.

 

Facilite a manobra

Hoje em dia o motorista pode contar com diversos acessórios para auxiliá-lo no processo de estacionar. Por isso, câmeras de ré e sensores de distância podem tornar sua manobra muito mais simples, pois ampliam o seu campo de visão.

Apenas tome cuidado com equipamentos que não são originais de fábrica, pois eles podem comprometer a qualidade e a garantia do seu veículo. O recomendado é procurar a assistência autorizada da marca.

 

Fique atento a sinalização

Esse ponto você pode dominar com a teoria, pois é extremamente importante estar atento às sinalizações. Afinal, as vagas especiais e placas de proibido estacionar, por exemplo, precisam ser rigorosamente respeitadas. Caso isso não seja seguido, você fica sujeito a multas e até a ter o seu carro guinchado.

Entretanto, além dessas já citadas, existem também sinalização para vagas temporárias. Nesse caso, esteja atento ao horário de permissão do estacionamento e ao pagamento das taxas definidas pelo local.

 

Afinal, como estacionar com segurança?

As ruas podem oferecer diversos perigos para o seu veículo. Além de ser furtado, ele pode ser danificado por outros condutores. Nesses casos, dê preferência aos estacionamentos, mesmo que você esteja no local com frequência.

Por isso, não deixe seu veículo em lugares pouco movimentados. Isso pode ser um risco para ele e até mesmo para você ao se aproximar em determinados horários. Ademais, durante a noite procure locais com boa iluminação, pois o escuro também se torna um grande fator de risco.

 

Mantenha a calma, vai dar tudo certo!

Por último e não menos importante, tenha calma! Ninguém nasce sabendo e você não seria o primeiro. Com tempo e prática você vai ter mais facilidade para fazer qualquer tipo de manobra e para lidar com qualquer situação adversa que porventura possa surgir.

Espero que esse post tenha te ajudado a ter mais segurança e, que de agora em diante, você parta para a ação sem medo ou nervosismos. Caso tenha gostado, confira outras dicas como essa em nosso blog e não fique de fora das novidades da Peugeot!

Motor THP, da Peugeot

Motor THP: entenda como ele funciona e quais são seus diferenciais

Por | Novidades | Nenhum Comentário

Criado para unir tecnologia e manutenção econômica, o motor THP se tornou um sucesso entre veículos das mais diversas categorias. Afinal, a tecnologia aplicada no modelo faz com que seu componente apresente mais eficiência e um ótimo desempenho nas pistas. Além disso, é considerado como um dos melhores propulsores disponíveis no mercado mundial.

Abaixo te explicaremos como funciona o Motor THP e o que faz dele um diferencial entre os demais modelos de outras categorias. Um ótimo motivo para considerar investir em um Peugeot especialmente nessa nova temporada da marca.

 

O porquê de tanto sucesso

Ele é composto por 16 válvulas com comando de admissão variável e foi pensado com o objetivo de reduzir o atrito no motor. Isso, consequentemente, também na redução da emissão de poluentes e contribui para a economia de combustível.

O primeiro modelo da Peugeot a receber esse tipo de motor foi o Peugeot 3008, pois ele apresentava alta potência e baixa quantidade de cilindradas. Pelo bom desempenho, a Peugeot resolveu equipar também outros modelos da marca: 308CC, 408, 508, RCZ e 308 Feline.

Devido a alta performance do motor, a Citroën também aderiu ao modelo e aplicou em alguns de seus carros, como o Novo SUV Citroën C4 Cactus e Citroën C4 Lounge.

 

O que é o motor THP?

Motor THP está presente no Peugeot 3008

Foto: Peugeot / Reprodução

 

Altamente eficiente e turbinado, ele vai além de agregar valor ao conjunto de cada modelo. Ele também oferece a todos os veículos em que é equipado torque e boa potência. Afinal, o motor conta com diversos sensores para conseguir o bom desempenho. Sensores de pressão de gasolina, de pressão de admissão de ar, de denotação do motor e de rotação são alguns. Além disso, sensores de fase e medição do nível de óleo também podem ser encontrados no THP.

Isso porque ele o motor THP foi elaborado com a união de diversas soluções de engenharia que foram aplicadas no projeto. Além disso, a peça ganhou um complexo gerenciamento eletrônico que contribui para aumentar ao máximo a economia de combustível sem perder a eficiência.

Para que isso fosse possível, foram aplicadas estratégias de injeção e pilotagem de elementos, como uma bomba que integra o componente e um turbo.

 

Como o motor THP funciona?

Motor THP está presente no Peugeot 3008

Foto: Peugeot 3008 / Reprodução

Exemplificando em números como o motor THP funciona, o motor 1.6 de quatro cilindros chega a até 173 cv de potência. Além disso, vai a 6.000 rotações por minuto (RPM) com um torque de 24,5 kgfm a 1.400 rpm. Isso faz com que a economia de combustível esteja bem acima do que o propulsor é capaz.

Para entender melhor como cada peça funciona e saber quando algum problema acontecer, você pode se aprofundar em como cada peça funciona em específico. Mas se ainda assim as dúvidas permanecerem, a recomendação é entrar em contato com a concessionária representante da Peugeot na sua região. Desse modo, a equipe poderá inclusive te mostrar na prática como todo o processo ocorre.

Compartilhe esse artigo com quem também deseja economizar combustível sem perder performance no veículo. Além disso, veja a matéria que fizemos sobre o Peugeot i-cockpit. O paniel é considerado a revolução em ergonomia e experiência do condutor. Por conta disso, tem conquistado a aceitação do mercado. Se ainda não conhece, chegou a hora de descobrir um novo modelo de dirigibilidade!


Quer estar por dentro de outras novidades tecnológicas da Peugeot? Basta ficar de olho em  nosso site. Sempre tem um post novo para tirar suas dúvidas e te dar ótimas dicas!

Pós-venda Peugeot: conheça os benefícios do programa Peugeot Total Care

Por | Novidades | Nenhum Comentário

Você já conhece as vantagens do Peugeot Total Care, o programa de pós-venda Peugeot? Ele já vem sendo promovido há dois anos, com nova política e focado em atender melhor e atingir a satisfação daquele que cresce junto conosco: você!

São dez compromissos que, juntos, influenciam diretamente na experiência do consumidor com seu Peugeot zero. Isso porque eles garantem a excelência na prestação do serviço por meio do respeito ao seu tempo. Além disso, também se preocupam com a total transparência e o cuidado especial que você e seu veículo merecem.

No post abaixo você vai conferir que compromissos são esses e as vantagens do Peugeot Total Care:

 

Revisões agendadas

No serviço de pós-venda Peugeot, a revisão agendada deve garantir a entrega do seu veículo dentro de 24h. Caso esse prazo não seja respeitado, você não precisará pagar pela revisão. Com isso, reforçamos a seriedade do acordo feito com o cliente e procura garantir a eficiência no seu suporte.

 

Respeito ao valor da fatura

Aqui nós garantimos o valor do seu orçamento. Mesmo em casos onde haja a necessidade de serviços adicionais, se o valor da revisão ou de qualquer reparo for maior do que o que consta no seu orçamento inicial, a Peugeot se responsabiliza pela diferença de valores e assume a divergência, reembolsando o cliente.

 

Transparência nos preços das revisões com preço fixo

Cumprimos o que divulgamos! Caso a fatura do cliente esteja diferente do que foi estipulado no preço fixo, a Peugeot se responsabiliza em reembolsá-lo. No caso de serviços de intervenção ou reparos adicionais aos itens normais de revisão, os valores serão negociados com cada concessionária.

 

Pós-venda Peugeot e seu controle de qualidade

Todos os veículos que passarem pelas oficinas da pós-venda Peugeot só serão liberados após uma minuciosa inspeção de qualidade. Ela será realizada por técnicos devidamente treinados e totalmente dedicados a atender todos os requisitos necessários para que seu veículo esteja 100% apto, dentro dos padrões de reparo da marca.

 

Todas as peças substituídas são apresentadas na entrega

Com o propósito de fazer com que nossos clientes estejam seguros com a marca na qual depositaram a sua confiança, o programa Peugeot Total Care se diferencia por se fazer totalmente presente nas horas mais importantes.

Por isso, em caso de qualquer serviço ou revisão, as peças substituídas serão apresentadas ao cliente para comprovação de substituição. As peças dentro da garantia também seguem esse procedimento. Porém, serão devolvidas à fábrica.

 

Entrega de seu veículo na data e na hora marcada

Pós-venda peugeot: entrega de chaves

Foto: Reprodução

Em serviços de intervenção e reparos adicionais aos itens normais de revisão, a Peugeot se compromete a entregar seu veículo dentro do prazo estabelecido na negociação com o cliente.

Esse compromisso só não se aplica no caso de procedimentos que requeiram intervenção de terceiros, como seguradoras.

 

Entregamos seu veículo lavado após a revisão

A lavagem envolve limpeza da carroceria e aspiração interna. Também pode ocorrer lavagem a seco em cidades onde houver racionamento de água. O tempo de lavagem pode variar e o prazo de entrega deve ser negociado com o consultor do serviço.

 

Emprestamos outro veículo Peugeot até o seu ficar pronto

Caso o reparo do seu veículo necessite de mais de 4 dias úteis, nós disponibilizamos outro carro da marca para que você possa usar até a entrega do seu automóvel. O empréstimo é gratuito e acontece mediante a assinatura do termo de comodato, com os prazos de retirada e entrega estipulados pela concessionária.  

 

Serviço de reboque gratuito

Em casos de pane, a Peugeot oferece reboque gratuito, 24h por dia, durante 8 anos. Isso é feito mesmo que o veículo não esteja dentro da garantia e não possua todas as revisões periódicas realizadas.

Após o reboque, ele será direcionado a uma concessionária Peugeot, onde você receberá o orçamento do reparo, que poderá ser aprovado ou não.  

O tempo de manutenção dependerá da causa da pane e de acordo com os prazos naturais dos serviços e reparos. Além disso, é claro, da disponibilidade da concessionária. Tudo isso é feito mediante a aprovação do cliente e a ciência do tempo necessário para o conserto.

 

Acione o SAC Peugeot em caso de descumprimento de qualquer serviço

Havendo qualquer descumprimento de prazo e compromisso, você também pode entrar em contato através do nosso Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) pelo telefone 0800 703 2424.

Além disso, o SAC está disponível de segunda a sexta, das 8h às 20h (exceto feriados). Ele conta com uma equipe totalmente preparada para atender com o máximo de dedicação possível.

Viu só? Com total transparência e com foco voltado para a melhoria no seu atendimento, o pós-venda Peugeot vem inovando e se renovando. Tudo isso para conseguir sua total satisfação.


Você também pode conferir as vantagens do Total Care Pro e do Peugeot Profissional Center, voltados para os compromissos com o seu negócio. Ademais, fique atento também ao plano de fidelização e valorização com a intenção de garantir a recompra do seu automóvel, o Renova Peugeot!

Entendendo a CNH especial: o que é, quem tem direito e como tirar

Por | Novidades | Nenhum Comentário
CNH especial

Foto: reprodução

A CNH especial é a Carteira Nacional de Habilitação, ou carteira de motorista como é popularmente conhecida, para portadores de deficiência e pessoas com mobilidade reduzida. Ou seja, doenças que afetam a capacidade de dirigir dos condutores.

É importante que as pessoas estejam atentas a quais doenças são essas. Afinal, sem a CNH especial, mesmo os portadores dessas patologias (físicas, sensoriais e intelectuais) podem ser multados e até mesmo ter o direito de dirigir suspenso.

Com o porte desse documento, as adaptações e necessidades do condutor são descritas. Assim você recebe o direito a alguns benefícios como descontos na hora de comprar um veículo por exemplo. Deficiência física, deficiência visual, deficiência intelectual e autismo são exemplos das doenças que garantem a isenção de PCD (Pessoas Com Deficiência).

Quais são os critérios para conseguir os benefícios?

  • Tirar ou fazer a alteração da carteira de habilitação;

  • Requisitar a isenção de IPI;

  • Escolher o carro;

  • Requerer a isenção do ICMS por meio de carta;

  • Isenções de IPVA e rodízio e cartão para estacionar em vagas para deficiente.

Como tirar a CNH especial

Seguindo o mesmo processo de retirada de qualquer tipo de documento. No entanto, a diferença é que o condutor deve passar por um exame físico e psicotécnico minucioso realizados pelo Detran do estado. Inclusive, no site do Detran é disponibilizada uma lista de clínicas autorizadas pelo órgão para esses procedimentos.

Ademais, logo depois de passar pela aprovação dos médicos, ele precisará passar pelas aulas da autoescola também da mesma forma do processo tradicional. Porém, deverá ser acompanhado por um médico durante todo percurso para que seja avaliado se o veículo atende às necessidades do condutor.

Documentos necessários

  • Carteira de identidade (RG);

  • Cadastro de Pessoa Física (CPF);

  • Comprovante original de endereço (Conta de luz, água, telefone, celular e banco);

  • Duas fotos 3×4 coloridas com fundo branco.

Restrições

No campo de observações da carteira, todas as restrições são identificadas por letras que vão de A a Z. Cada uma tem um significado específico. Além disso, elas indicam o que é necessário para que que o condutor possa dirigir com segurança nas condições da deficiência apresentada.

Entretanto, as letras A, B e X por exemplo, não dão direito a isenção para a compra de um carro, então é importante estar por dentro do que cada letra representa. Antes a restrição era descrita por extenso, o que facilitava o entendimento para qualquer pessoa. No entanto, a indicação passou a vir em forma de código devido a uma alteração na lei.

Vale lembrar que não só o condutor que possui deficiência tem direito a esses benefícios, como também quem possui um representante legal que possa conduzir o veículo em seu lugar pode usufruir do direito.

Apenas no caso da total incapacidade de mobilidade, a retirada da CNH especial é impedida. Em casos que possam comprometer a própria segurança como também a segurança dos outros condutores e dos pedestres.


Então, passou a entender melhor os detalhes da CNH especial? Você também pode conferir as ofertas exclusivas para portadores de deficiência que a Peugeot oferece.

Segurança no trânsito: 8 dicas de como evitar assaltos e sequestros

Por | Novidades | Nenhum Comentário

A segurança em qualquer lugar é um assunto pertinente, e a pauta da vez é a segurança no trânsito! Acidentes e assaltos estão entre os maiores receios dos motoristas atualmente. Isso é resultado do constante crescimento da violência e dos descuidos no trânsito.

Embora esses problemas estejam além do nosso alcance e prevenção, não custa nada tomar cuidado. Por isso, listamos a seguir dicas simples, mas importantes, que podem te ajudar a se precaver e evitar situações como essas. Portanto fique atento!

 

Previna acidentes

  • Use o cinto de segurança: O cinto deve ser sua prioridade quando se pensa em segurança no trânsito, antes mesmo de ligar o carro. Dessa forma você evita esquecer e por consequência não utilizar o cinto. Ele pode prevenir danos sérios em acidentes e ainda te salva de uma multa!
  • Manutenção em dia: Se certifique de que o seu veículo está em bom estado, calibre os pneus de forma correta e fique atento ao período da sua troca de óleo. Esses são cuidados básicos que você deve se acostumar a ter. Além disso, conheça o seu carro e evite surpresas indesejáveis!
  • Esteja vigilante com os outros. Afinal, a sua segurança no trânsito também depende dele! Isso pode te ajudar a escapar de acidentes mesmo quando você não é responsável pelo erro. Além disso, a regra geral é que os veículos maiores cuidem dos menores e que todos cuidem dos pedestres, então atenção redobrada!
  • Respeite as regras básicas: sinalização, velocidade, cuidado com os cruzamentos, celular no trânsito, você já pode até estar cansado de ouvir mas isso não para de acontecer! Mesmo o mais cuidadoso dos condutores hora ou outra acaba deslizando nessas regras, então não se distraia!

 

Cuidado com os assaltos

  • Atenção: Esteja sempre observando o movimento ao seu redor (sem pânico!), apenas esteja atento a possíveis movimentações estranhas. Afinal, muitos motoristas acabam se distraindo no trânsito, e isso pode fazer de você um alvo fácil, tome cuidado!
  • Guarde seus bens: relógios, jóias e até mesmo o celular ficam expostos no trânsito e chamam atenção! Novamente, não há motivo para pânico. Basta deixar seus itens guardados e colocá-los em um local seguro ao chegar no seu destino.
  • Conheça seu trajeto: evite lugares desconhecidos que atrapalhem seu deslocamento preciso em situações perigosas. Conhecer o caminho a percorrer não diz respeito apenas a localização, mas também notícias do lugar e saber quais são as áreas vulneráveis. Lembre-se, sua segurança é mais importante!
  • Não se exponha: informações sobre a sua casa, trabalho ou família, vidros abertos e distrações na garagem também servem como iscas e podem causar um problema muito maior, portanto se preserve!
Segurança no trânsito: Cuidados no volante

Foto: Reprodução

Seguindo essas orientações você reduz riscos, tanto para seu carro quanto para os outros passageiros. Além disso, você pode ficar atento a muitas outras dicas, lembre-se sempre: prevenir é sempre a melhor solução para situações que não estão ao nosso alcance. Afinal, cuidado nunca é demais!

Caso essas informações tenham sido úteis, continue acompanhado nosso blog para receber mais orientações com essas. Para isso, basta preencher o formulário acima e se cadastrar em nossa newsletter!